6 tendências da engenharia civil para os próximos anos

6 tendências da engenharia civil para os próximos anos

As tendências da engenharia civil vêm ganhando cada vez mais destaque e as inovações tecnológicas são cada vez mais presentes. Mas algumas vezes fica difícil acompanhar tantas mudanças e se manter atualizado. No entanto, com um setor tão importante e com forte tendência de crescimento para os próximos anos, é preciso acompanhar as mudanças.

O uso de diversas tecnologias já faz parte do setor, como realidade virtual, internet das coisas, realidade aumentada, sustentabilidade aplicada à engenharia e muito mais. Quer conhecer as principais tendências da engenharia? Então continue a leitura.

Inovações e tendências da Engenharia Civil

Assim como em todos os mercados existentes, os processos inovadores vêm ganhando destaque e conquistando mais espaço no mundo dos negócios, e com o setor da engenharia civil não seria diferente. Apesar da recente retração do setor, as previsões são de crescimento para os próximos anos.

Portanto, para se tornar um profissional cada vez mais bem remunerado, é preciso se capacitar e conhecer as principais tendências da engenharia civil para se destacar no mercado. São muitos os modelos inovadores, e cada vez mais vêm sendo utilizados em diversos empreendimentos.

6 Tendências da Engenharia Civil

Para ficar mais claro a necessidade e os benefícios que tornam algumas tecnologias tendências da engenharia civil, separamos 6 delas para você. Confira a seguir.

1.Realidade Aumentada /BIM

Building Information Technology é conhecido como a pré-construção digital por utilizar a tecnologia para compatibilizar projetos. Com essa ferramenta, todas as fases do empreendimento são integradas, permitindo um alto grau de detalhamento do planejamento à execução. Por permitir a visualização virtual e 3D, possibilita que cômodos e até mesmo prédios inteiros sejam vistos em tamanho real antes do início do empreendimento.

Essa ferramenta digital já bastante disseminada, ganha cada vez mais espaço por permitir que projetos sejam inspecionados antes de iniciados, e ajuda a mostrar para clientes o resultado esperado. Os projetos que utilizam a RA permitem aos envolvidos trocarem informações, evitarem erros e trabalharem simultaneamente utilizando os dados e desenhos atualizados.

2.Internet das Coisas (IoT)

Com a possibilidade de tecnologias integradas e sistemas operando de maneira quase independente, essa é outra forte tendência da engenharia civil. A internet das coisas permitirá que empreendimentos se tornem mais modernos e proporcionem muito mais conforto aos clientes.

Sistema de iluminação automatizado e programado para momentos específicos, sensores de movimento mais eficientes, portarias inteligentes e climatização automatizada são alguns dos benefícios proporcionados pela Internet das Coisas na engenharia civil, tornando casas, moradias e empreendimentos comerciais muito mais inteligentes.

3.Robótica e impressão 3D

Bastante utilizada nos processos de projeção e de modelamento físico em empreendimentos, a impressão 3D torna viável materializar projetos arquitetônicos, como moldes de vigas e até prédios inteiros, evitando erros comuns e otimizando cada vez mais os processos da engenharia civil. Essa tecnologia permite uma pré-fabricação de diversos objetos, fora ou dentro do local da obra, aprimorando a mão de obra e os materiais utilizados.

4.Realidade Virtual

Diferentemente da RA, a realidade que adiciona conteúdos diversos à realidade que estamos vendo, a realidade virtual nos insere em um mundo digital. Essa tecnologia permite entrar em um mundo completamente digitalizado, como condomínios e até mesmo cidades inteiras.

É possível inserir os envolvidos no empreendimento dentro de um universo totalmente digital. Logo, a realidade virtual permite identificar incompatibilidades, antecipar alterações e analisar divergências entre os componentes de um projeto. Essa tecnologia já faz parte e tende a ser ainda mais uma tendência da engenharia.

5.Sustentabilidade

A sustentabilidade já faz parte do vocabulário de diversos setores e é muito procurada por consumidores no geral. Dentro do universo da engenharia civil, vai além de reaproveitar materiais e evitar desperdícios. A sustentabilidade ganha força com o uso de energias renováveis, que tornam os projetos mais viáveis e econômicos.

Essa tecnologia pode ser utilizada para reduzir os custos operacionais durante a construção do empreendimento, utilizando painéis solares no canteiro de obras para a produção sustentável de energia para maquinários e outras necessidades.

É também utilizada no empreendimento adquirido, com a instalação de painéis solares para fornecer a energia que será utilizada no imóvel.

6.Construção modular

É a pré-produção em massa de estruturas que vão compor o empreendimento. Lajes, blocos e casas inteiras podem ser fabricados previamente, tornando todo o processo mais rápido e podendo ser feito em qualquer parte, utilizando mão de obra e equipamentos de preferência, sem a necessidade de ir até o local, o que minimiza custos e otimiza os processos relacionados à construção do empreendimento em questão.

Além de unir fatores determinantes, como velocidade e produção, essa tecnologia permite reduzir custos de produção e de construção, além de evitar desperdícios de materiais, gerando uma economia financeira significativa. Concretizar empreendimentos em massa ou de maneira mais personalizada e testar previamente um produto são alguns dos benefícios gerados para a construção civil.

Como investir na área e conhecer as tendências

São muitas as inovações e as tecnologias presentes no universo da engenharia civil, não é mesmo? Portanto, manter-se atualizado e investir em cursos e capacitações é indispensável.

Existem instituições voltadas para a qualificação profissional com diversos cursos e níveis de ensino. Além disso, é sempre importante acompanhar as tendências do mercado e conhecer as atividades inovadoras que estão sendo realizadas nas diversas regiões do mundo.

É indispensável acompanhar as tendências da engenharia e as mudanças no setor. Além disso, é preciso estar atento às inovações e ao uso de tecnologias diversas que otimizam e tornam a engenharia civil mais eficiente. Sistemas digitais que permitem a inteligência virtual e a inteligência aumentada, construções modulares, bem como a impressão 3D e o uso de sistemas sustentáveis são algumas dessas inovações que precisam ser acompanhadas.

O IBEC é uma instituição voltada para o desenvolvimento das suas qualificações profissionais e a entidade mais tradicional do país na área de Engenharia de Custos — são mais de 80 mil alunos em cursos de capacitação e 30 mil em MBA e pós-graduações por todo o Brasil. Portanto, se você quer evoluir e aprimorar ainda mais as suas soft skills e hard skills, não deixe de entrar em contato conosco para conhecer os nossos cursos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *