5 softwares de gestão de projetos para otimizar custos e processos

5 softwares de gestão de projetos para otimizar custos e processos

5 softwares de gestão de projetos para otimizar custos e processos

Gerenciar uma equipe e garantir que os objetivos do projeto sejam atingidos é uma das tarefas mais complicadas da engenharia. Muitos profissionais perdem o sono, diversas vezes, por conta dos problemas do dia a dia.

Porém, o mundo contemporâneo apresenta novas tecnologias, capazes de simplificar o processo e deixar a vida do gestor do projeto mais simples e produtiva. Assim, todo o tempo despendido para essas atividades poderá ser reduzido em ações práticas, dinâmicas e eficientes.

Obviamente, em cada uma das etapas do projeto, serão necessárias ferramentas específicas, que possuam funcionalidades suficientes para suprir as necessidades do empreendimento. Aspectos como o processamento de dados, lista de tarefas, backup, análise da produtividade da equipe e outros itens devem ser avaliados.

A utilização de softwares de gestão de projetos permite ao profissional otimizar custos e processos, gerando maior assertividade na gestão, organização e planejamento. Outra vantagem é conseguir prover maior flexibilidade aos profissionais e o estreitamento das relações com os stakeholders.

Interessou-se pelo assunto? Então, continue a leitura deste artigo e veja cinco softwares de gestão de projetos para otimizar custos e processos!

1. Artia

O Artia é um software voltado diretamente para a gestão de projetos de engenharia e para a indústria. O seu funcionamento é 100% online e é possível realizar todo o processo de gestão de projetos por meio de medidores de desempenho, analisando o tempo gasto pelos funcionários em cada uma das tarefas.

Uma das melhores funcionalidades do software é a geração de gráficos, relatórios e todo o processo de gestão documental. Assim, torna-se mais fácil garantir o foco necessário e, também, os momentos de descanso da equipe.

O painel de comando do Artia é bem interessante, possibilitando ao gestor a integração de todas as áreas da empresa em um único ambiente. O software possui uma versão gratuita, mas a versão paga (apenas R$ 29,90) possui planos atraentes para a gestão do tempo da sua equipe de colaboradores.

2. JExperts

O JExperts é um programa capaz de oferecer soluções excelentes para a gestão e governança de TI, tanto para empresas quanto para os prestadores de serviço. Em termos de governança de TI, a plataforma oferece um ambiente de gestão estratégica, tática e operacional e planejamento estratégico de TI completamente integrados.

A sua utilização permite a unificação de ciclos, deixando-os sempre de acordo com as melhores práticas do mercado. Já na gestão financeira, o software permite o acompanhamento financeiro do projeto de maneira 100% online, facilitando a vida dos prestadores de serviço.

Pode-se dizer que essa solução é uma forma excepcional de automatizar processos e integrar as áreas da empresa.

3. runrun.it

O runrun.it é um software de gestão de projetos que promete facilitar a gestão de tarefas e equipe. O programa pode ser encontrado totalmente em português, com uma interface simples e de fácil utilização.

O principal diferencial do runrun.it é a possibilidade de criar tarefas e gerir a atuação de todos os membros da equipe. Assim, é possível atribuir responsabilidades às tarefas e cobrar os profissionais de realizarem as entregas em seu devido tempo.

Outra vantagem desse software que merece ser destacada é a capacidade de prover um sistema completo de gestão do trabalho. Aspectos como gestão de tarefas e projetos, indicadores de performance, gestão de custos por cliente, time tracker integrado, comunicação integrada e formalizada e a integração com outros aplicativos fazem do runrun.it uma excelente alternativa.

O valor? Apenas R$ 40 por mês. Vale a pena conhecer, não é mesmo?

4. Trello

O Trello é um software gratuito (para quem necessita de, no máximo, 10 MB de armazenamento) e com uma interface completamente simples.

A sua configuração é baseada em plataformas de redes sociais, com seus menus e colunas funcionais. Cada um dos projetos poderá ser visualizado por todos os membros da equipe e as notificações podem ser incluídas em todas as etapas.

A operação do Trello se dá por meio de quadros, divididos em listas (por sua vez, divididas em cartões com tarefas). É possível arrastar e soltar as tarefas, transferindo-as de uma lista para outra, de acordo com o desenvolvimento de cada uma das etapas.

O software foi desenvolvido por Taiichi Ohno, ex-vice-presidente da Toyota. O seu pensamento foi criar “cartões” específicos para cada etapa, gerando uma representação visual simples e permitindo a fácil identificação das próximas etapas do projeto.

A visualização do andamento das atividades é uma das principais funcionalidades do programa, por ser instantâneo e intuitivo. A utilização do software é extremamente eficiente.

É possível, ainda, anexar arquivos, imagens, mencionar usuários e, até mesmo, fazer comentários em cada tarefa. Adicionar datas de entrega, itens extras e realizar o acompanhamento do progresso dos serviços são atividades realizáveis com o Trello.

5. Asana

O Asana é o último dos softwares de gestão de projetos que vamos destacar neste artigo. Criado por um dos fundadores do Facebook, Dustin Moskovitz, o programa tem alguns benefícios interessantes: utilização fácil e intuitiva e capacidades de comunicação e interação semelhantes às encontradas nas redes sociais.

A principal funcionalidade do software é o monitoramento de trabalho, buscando o aumento da produtividade, uma maior eficiência nos processos e a colaboração entre as equipes.

É válido ressaltar que o programa pode ser utilizado em smartphones, possibilitando o envio de arquivos (relatórios, planilhas e gráficos) para a equipe interna e para os clientes. A criação de grupos de colaboração é mais uma funcionalidade do aplicativo.

Verificação dos processos

Assim como outros programas, o Asana permite a verificação dos processos por meio de colunas e quadros de clara organização e fácil entendimento. Outra funcionalidade que merece destaque é a indicação de checklists e deadlines em consonância com a identificação dos respectivos responsáveis.

Assim, o gestor de projetos consegue, de maneira direta e rápida, prover soluções para gargalos e outros problemas encontrados. Para finalizar, podemos dizer que o principal objetivo desse software é transformar conversas em ações, diminuindo a troca de e-mails e o uso de outras plataformas de comunicação.

Entretanto, nem tudo é perfeito. Os usuários reclamam da escassez de recursos disponíveis, apesar da eficiência adquirida nos processos de gestão de projetos das empresas.

Como destacado, ao longo do artigo, os softwares são ferramentas utilizadas em todo o mundo para o aumento da eficiência e a otimização de custos e processos. Porém, adquirir um software não será a solução para seus problemas.

É preciso investir em conhecimento, aprendendo como entender as informações fornecidas pelos softwares de gestão de projetos. Essa é a única maneira de tomar decisões assertivas, que levarão a empresa para o caminho do sucesso. Lembre-se: capacitação profissional é fundamental para todos os níveis.

E aí, gostou do nosso artigo? Ficou interessado em saber mais informações sobre o assunto? Então, assine nossa newsletter e receba todos os nossos conteúdos em primeira mão! Não deixe para depois, combinado?

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *