4 motivos para você fazer um MBA em Engenharia de Custos

4 motivos para você fazer um MBA em Engenharia de Custos

4 motivos para você fazer um MBA em Engenharia de Custos

A engenharia de custos é o campo do conhecimento voltado ao estudo, gerenciamento e planejamento dos custos de uma obra ou serviço. O termo “engenharia” deixa claro que não se trata meramente de administração de planilhas orçamentárias: o engenheiro de custos é aquele profissional capaz de avaliar toda a cadeia de despesas de um empreendimento, planejar sua execução, escolher a alternativa mais racional do ponto de vista econômico e garantir a viabilidade e a execução no prazo e sem estouros de orçamento.

Em meio a um mercado cada vez mais competitivo, as empresas vêm procurando profissionais que sejam capazes de evitar furos no orçamento e atrasos nas entregas. Uma forma de aproveitar essa lacuna é ir além nos estudos e fazer um bom MBA na área de engenharia de custos.

Para você conhecer mais dessa profissão e entender a importância de investir em formação na área, acompanhe o post de hoje!

Qual a importância da engenharia de custos?

A engenharia de custos é a disciplina responsável por garantir a viabilidade econômica de um empreendimento. Atualmente, não é possível fazer engenharia sem uma análise completa de toda a cadeia de custos. A elevação do preço dos insumos e o mercado ainda fraco tornam essa situação ainda mais crítica.

Somente no ano de 2013, a Secretaria Nacional do Consumidor recebeu 34.534 reclamações contra construtoras e empresas afins, sendo que 22% correspondem ao não cumprimento de contratos. Muitas dessas falhas aconteceram justamente pela falta de uma gestão eficiente dos custos. E o cenário atual não é mais animador: com os custos da construção cada vez maiores, a presença de profissionais se torna mais urgente.

O que faz exatamente um engenheiro de custos?

O engenheiro de custos é capacitado a elaborar e validar orçamentos, planejar os custos de um empreendimento e gerir corretamente o fluxo de caixa. Em resumo, é aquele profissional capaz de trabalhar, gerenciar e desenvolver qualquer tarefa correlata à área de custos.

No dia a dia de trabalho, ele analisa e monitora os projetos em andamento, inclusive com visitas ao canteiro de obras, se for o caso. A partir daí, esse profissional é capaz de monitorar os desvios e acompanhar a evolução do empreendimento, antevendo possíveis gargalos e se antecipando a eventuais problemas de financiamento.

E não é só isso: o engenheiro de custos tem papel ativo na etapa de concepção de um novo empreendimento, pois sua formação o capacita a analisar as alternativas viáveis, identificando corretamente os custos inerentes a todas elas. Assim, consegue tomar a decisão mais acertada do ponto de vista econômico.

Por que e como se tornar engenheiro de custos?

No Brasil, não existe nenhuma regulamentação para indicar que alguém possa usar o título de engenheiro de custos. Teoricamente, qualquer engenheiro que realize as atividades que descrevemos acima se enquadra nessa categoria. No entanto, para o mercado, isso não é o bastante. Mais do que a experiência prática, é essencial que o profissional se capacite para desempenhar a função. E a melhor alternativa para isso é buscar um MBA na área.

Um MBA em engenharia de custos, feito em uma boa instituição de ensino, vai possibilitar ao profissional uma visão mais abrangente e estratégica da gestão dos custos, por meio de conceitos atualizados e ferramentas modernas. Nesse tipo de curso, o aluno aprende desde maneiras e estratégias para elaboração de propostas de orçamentos até aspectos relacionados ao relacionamento com fornecedores, passando por custeio dos recursos e análises sobre aquisições e implantação de estratégias de redução de custos.

Mas se você considera esse tipo de especialização muito cara e não vê motivos para investir em um MBA em engenharia de custos, separamos uma lista que pode te fazer mudar de ideia e mostrar que essa é uma boa maneira de melhorar o seu desempenho profissional. Conheça os benefícios:

1. Ingressar em uma área muito valorizada

Como já apontamos acima, a engenharia de custos deixou de ser apenas acessória para ser considerada vital pelas empresas. Dessa forma, um profissional devidamente capacitado a exercer as funções ligadas à gestão dos custos é altamente valorizado. Fazer um MBA nessa área pode ser a chave para a sua recolocação profissional.

2. Aumentar a empregabilidade ou alavancar a carreira

Pesquisas indicam que uma pós-graduação ou um MBA pode aumentar em até 60% o salário do trabalhador e que 76% dos empregadores gostariam de contratar profissionais que tenham um MBA no currículo. Além disso, a troca de experiência com outros profissionais — o famoso networking —, que pode ocorrer tanto entre colegas quanto entre alunos e professores, pode ser o diferencial para te ajudar a se posicionar melhor no mercado de trabalho.

3. Aprender a tomar decisões melhores

Atualmente, um bom curso de engenharia de custos capacita os alunos por meio de cases recentes, com discussões em que se percebem a dimensão e a natureza dos novos desafios e, também, saídas eficazes para eles. Além disso, em um curso de MBA, você pratica a inovação e a criatividade, habilidades essenciais para a tomada de melhores decisões.

4. Adquirir aprendizado gerencial

A engenharia que se aprende na maioria das universidades é muito voltada para a parte técnica. Assim, o mercado carece de engenheiro com boa capacidade gerencial. Nesse sentido, um engenheiro de custo se destaca, porque, acima de tudo, ele é um bom gestor. Durante o MBA nessa área, o profissional se capacita para interligar todas as áreas concernentes a um projeto de engenharia e analisá-las em termos de orçamento, planejamento e viabilidade. Esse conhecimento gerencial complementa a formação técnica, além de abrir novos horizontes para sua carreira.

Esperamos que, com essas dicas, você tenha entendido o que é engenharia de custos e a importância dos profissionais dedicados à profissão. O cenário competitivo é difícil, mas cria oportunidades: é importante estar sempre à frente do mercado e buscando se especializar cada vez mais.

E aí, pronto para dar esse passo na sua carreira e se tornar um engenheiro de custos? Então, aproveite para entrar contato com o IBEC, conheça o nosso MBA e torne-se um profissional desejado pelo mercado!

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *